segunda-feira, 12 de julho de 2010

A copa dos goleiros

Tenho pensado a respeito da importância dos goleiros em jogos de decisão.
Um time é composto de 11 jogadores, cada um com sua importância, mas os goleiros, na minha opinião, foram "os jogadores" mais importantes deste campeonato.
Abro um parênteses aqui para explicar mais uma vez que embora eu não entenda nada de futebol eu tenho o direito de formar opinião sobre o assunto, aliás, tenho opinião sobre absolutamente TUDO.
Aquele gol que o goleiro da Espanha impediu com o pé foi demais, foi decisivo.
Também precisamos um pouco mais do que bons goleiros para ganhar uma copa, entendi que precisamos de maus juízes e não vou perder tempo explicando aqui o que todo mundo viu né? Se os árbitros tivessem sido mais acertivos tudo poderia ser diferente.
O goleiro da foto é meu colega de trabalho. Foi goleiro da Portuguesa e é conhecido no mundo do futebol como Deda. Este troféu nas mãos dele é de um campeonato recente, onde o time dele foi vencedor. Através desta foto deixo aqui minha homenagem a todos os goleiros, incluindo o Julio Cesar, gostei dele.
Parabéns à Espanha!
Agora vamos pensar na copa de 2014. Tenho muitas coisas para aprender até lá, mas o futebol é tão fascinante que eu posso até falar sobre polvos, sobre os atrasos nas obras da Copa.
7 dos 12 estádios estão com cronograma atrasados. (Alguém aqui imaginou que estaríamos cumprindo todos os cronogramas?). Quem quer apostar comigo que teremos obra até o último minuto, aliás, toda obra é assim né? Tente reformar um banheiro pequeno e duvido que este banheiro seja entregue no prazo.
Eu agora preciso descobrir uma coisa. Vamos ver se meus leitores são capazes de me ajudar.
A Fifa dá algum dinheiro para o país que sedia a Copa? Se positivo qual é este valor?
O BNDES criou uma linha de crédito de R$ 4,8 bilhões para construção ou reforma dos estádios.
Tem muito mais a aprender do que o jogo jogado no gramado né?